Cães e Gatos – Quais os riscos e como evitá-los

outubro 10, 2017  /   Blog

Quais os riscos um pet pode trazer para a família? Quais medidas podem ser tomadas para proteger e evitar doenças?

Os animais domésticos também estão expostos e vulneráveis à doenças ou problemas de saúde. Cães e Gatos podem requentar locais contaminados ou infestados.

Diversas doenças ameaçam a saúde dos animais. Manter a saúde do pet em dia, é a melhor maneira de garantir a saúde tanto do animal quanto do tutor e de sua família. A visita periódica ao veterinário permite identificar doenças precocemente, além de prevenir potenciais enfermidades e contágios.

Quais os riscos mais frequentes para a saúde do pet?

Os problemas que mais comumente afetam a vida e dia a dia dos pets são problemas muito simples que podem ser avitados com medidas simples como manter as vacinas e os anti parasitários (antipulgas e vermífugos) em dia. Esse hábito mantém não apenas as pulgas longe, mas também protege contra outros parasitas mais perigosos como os carrapatos.

Controlar a alimentação do pet também evita problemas comuns como diarreia e vômitos ou mesmo uma pancreatite.

As viroses mais comuns que afetam os pets são:

  1. Cinomose para os cães.
  2. Parvovirose para os cães.
  3. Peritonite Infecciosa Felina (PIF) gatos.
  4. Vírus da Imunodeficiência Felina (FIV) nos gatos.
  5. Vírus da Leucose Felina (FeLV) nos gatos.

Todas as doenças dos pets podem ser transmitidas às pessoas?

Não, nem todas. Mas algumas doenças, as chamadas zoonozes podem ser transmitidas para pessoas – como a Leptospirose. Doenças como estas apresentam verdadeira ameaça aos humanos, uma vez que as pessoas também podem ser infectadas através da urina de cães e gatos contaminados. Por isso, a prevenção realizada com a imunização por meio de vacinação é muito importante para garantir a saúde do pet, do tutor e de sua família.

Alguns parasitas como carrapatos podem transmitir doenças, dentre elas a babesiose canina, a erliquiose canina, e também outras que afetam as pessoas como a doença de Lyme e a febre maculosa.

Parasitas intestinais como Ancylostoma caninum, o Dipylidium canino, a Giargia canis, são os mais comuns, embora não sejam os únicos a afetar os pets. A contaminação é bastante simples e fácil de ocorrer e alguns destes podem afetar também os humanos.

Exames clínicos e laboratoriais podem identificar estas doenças, e um veterinário capacitado é capaz de orientar o melhor tratamento uma vez confirmado o contágio do pet. Por isso, para evitar estas doenças ou atestar a perfeita saúde de seu cão ou gato é indispensável a consulta regular com o veterinário.

Marque uma visita para seu pet com um veterinário responsável e assegure a saúde do seu amigo.

Esta informação foi válida para você? Deixe-nos um comentário.
Assim, poderemos continuar oferecendo conteúdos relevantes para ajudar você a preservar a saúde, vida e bem-estar de seu pet.

Entre em contato com o Hospital Veterinário Pró Vita pelo telefone (41) 3024-0816.

Email this to someoneShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Print this pageShare on Tumblr

Comentários fechados.

  • Atendimento

    O Hospital Veterinário Pró Vita de Curitiba entende que atender bem não tem hora, por isso atende 24 horas e coloca a disposição do seu amigão ou amiguinho um completa estrutura com farmácia, exames e profissionais qualificados. Ah, se o seu amigo é felino no Hospital Veterinário Pró Vita tem espaços dedicados só para os gatinhos. Venha, estamos esperando você e seu amigão.

  • Credenciado DottorDog

  • Horários de Funcionamento

    Abertos todos os dias, inclusive Domingos e Feriados.