Ouriços e cães: um encontro perigoso!

outubro 18, 2017  /   Sem categoria

Ouriço e Cães, um encontro perigoso!

Você já viu um ouriço? Esses animais também conhecidos popularmente como porcos espinho são mamíferos que atingem de 30 a 60 cm de comprimento e de 2 a 4 kg de peso máximo, seu corpo é coberto por espinhos curtos e pontiagudos em cor esbranquiçada ou amarelada, misturada com o pelo mais escuro. Esse animal tem hábitos arborícolas, segurando-se com sua cauda preênsil, e transita com frequência pelas bordas das matas de galeria, onde pode entrar em contato com animais domésticos e pessoas. São animais noturnos e crepusculares. À noite saem para procurar alimento, principalmente frutos.

Não são animais agressivos, mas o encontro deles com cães domésticos pode resultar em um confronto nada agradável para ambas as partes. Com a redução das áreas de mata nativa isolada e o avanço das cidades para as áreas de vegetação, esses encontros se tornam mais comuns e o resultado deles um tipo de atendimento de emergência comum nas clínicas e hospitais veterinários da nossa região.
Os ouriços podem entrar nos terrenos das residências e empresas procurando alimento e se deparar com cães. O instinto de defesa do território e curiosidade dos cães os compele a investigar e até atacar estes animais silvestres. Os ouriços são animais lentos e sua defesa é levantar os espinhos que o protegem e esperar que estes sejam suficientes para repelir os ataques.


O problema é que, geralmente, os cães não se intimidam com os espinhos e tentam morder o ouriço e com isso vão se ferindo com os espinhos que se soltam do corpo do animal e ficam presos no seu corpo devido a pequenas espículas que servem como ganchos e prendem quando perfuram a pele. Por isso os espinhos são difíceis de remover e tendem a causar sangramento quando são removidos. Além disso, essas espículas fazem com que o espinho vá penetrando ainda mais fundo quando o tecido da pele lesionada incha (edema).
Os espinhos podem causar danos importantes em áreas sensíveis como os olhos, focinhos e boca. Quando são muitos também podem causar mais problemas secundários. Removê-los não é fácil e causa sangramento, é muito comum precisar anestesiar o paciente para fazer a remoção por isso é importante procurar um serviço de atendimento veterinário que possa fazer o atendimento com cuidado e segurança.
Você já viu algum desses animais? Sabia que eles existem na nossa região? Saberia o que fazer caso um acidente destes ocorra?
Procure o Hospital Veterinário Pró Vita. Nós podemos ajudar.

Email this to someoneShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Print this pageShare on Tumblr

Comentários fechados.

  • Atendimento

    O Hospital Veterinário Pró Vita de Curitiba entende que atender bem não tem hora, por isso atende 24 horas e coloca a disposição do seu amigão ou amiguinho um completa estrutura com farmácia, exames e profissionais qualificados. Ah, se o seu amigo é felino no Hospital Veterinário Pró Vita tem espaços dedicados só para os gatinhos. Venha, estamos esperando você e seu amigão.

  • Credenciado DottorDog

  • Horários de Funcionamento

    Abertos todos os dias, inclusive Domingos e Feriados.